Carta aos ministros do TCU PDF Imprimir E-mail
Avaliação do Usuário: / 4
PiorMelhor 
Diversos

Por Gen Ref Francisco Batista Torres de Melo, em 30 Jul 2014

EXCELENTÍSSIMOS SENHORES MINISTROS DO TRIBUNAL DE CONTAS DA UNIÃO. Doc. nº 63- 2014

UMA PERGUNTA

Estou me dirigindo a Vossas Excelências com o coração de cidadão, partido. A repugnância que me vai n'alma é de tal ordem que não encontro nenhuma palavra da língua portuguesa que possa expressar minha indignação pela aprovação do parecer do Exmo. Sr. Ministro que isenta O CONSELHO DA PETROBRAS de responsabilidade, no caso da PASADENA.

Sou um simples cidadão que, PAGINANDO A NOSSA CONSTITUIÇÃO, fico sem entender, porque Vossas Excelências FINGEM DESCONHECER UM PRINCÍPIO COMEZINHO DO DIREITO,, EM QUE REZA -"O CHEFE É RESPONSÁVEL POR TUDO QUE SEUS SEGUIDORES FAZEM OU DEIXAM DE FAZER". Detendo-me no artigo 73 desta CF, leio que os ministros do STU (§ 1) são brasileiros possuidores de idoneidade moral e reputação ilibada. Vossas Excelências, por serem detentores de tão seletas qualidades, é que, aí estão para defender o Estado e não assimilar politicagem de quem quer que seja.

Imagino V. Ex. andando pelas ruas de meu Brasil, cabeças alevantadas, fisicamente; porém, almas curvas, sofridas e, sobretudo, conscientemente, sob o olhar de uma gente a querer ações, bem mais enérgicas, para com a responsável maior, S.Exa, a Sra Presidente da República, Dilma Roussef. Os senhores, como os lídimos defensores da nacionalidade, palmilhando os caminhos escuros da vida, apresentarem-se na história de nosso País, como homens fracos e, sem honrarem os cargos que lhes confiaram, não pelos seus valores morais e sim, pela subserviência ao PODER . . . ISSO NUNCA . . . . . NUNCA . . . . JAMAIS passou pelo desejo de uma massa, quase enfurecida.

Parece-nos estar vivendo tempos de CATILINA e faltando -nos os de CÍCEROS. Ah! quanta falta nos faz o ensino da nossa Língua-Mãe ! ! ! Pois, sem os ensinamentos dela, jamais, nossos filhos e netos teriam tido a oportunidade do prazer de traduzir as CATILINÁRIAS. Mas, nem tudo está perdido - Quem não tem cão, caça como gato. Vibremos, também, com uma bela leitura de nosso RUI BARBOSA - ORAÇÃO AOS MOÇOS, onde lá nos deleitaremos com uma bela e sadia leitura. Ah ! ! ! Os Clássicos ! ! ! ! Sucumbiram diante do poder! ! !

Transcrevo pequeno trecho destas duas obras que irão atravessar o tempo, como a BÍBLIA, pois são VERDADES imorredoiras.

Trecho inicial das CATILINÁRIAS.

"Até quando, ó Catilina, abusarás da nossa paciência? Por quanto tempo ainda há-de zombar de nós essa tua loucura? A que extremos se há-de precipitar a tua audácia sem freio? Nem a guarda do Palatino, nem a ronda nocturna da cidade, nem os temores do povo, nem a afluência de todos os homens de bem, nem este local tão bem protegido para a reunião do Senado, nem o olhar e o aspecto destes senadores, nada disto conseguiu perturbar-te? Não sentes que os teus planos estão à vista de todos? Não vês que a tua conspiração a têm já dominada todos estes que a conhecem? Quem, de entre nós, pensas tu que ignora o que fizeste na noite passada e na precedente, em que local estiveste, a quem convocaste, que deliberações foram as tuas? "

"Oh tempos, oh costumes! O Senado tem conhecimento destes factos, o cônsul tem-nos diante dos olhos; todavia, este homem continua vivo! Vivo?! Mais ainda, até no Senado ele aparece, toma parte no conselho de Estado, aponta-nos e marca-nos, com o olhar, um a um, para a chacina. E nós, homens valorosos, cuidamos cumprir o nosso dever para com o Estado, se evitamos os dardos da sua loucura. à morte, Catilina, é que tu deverias, há muito, ter sido arrastado por ordem do cônsul; contra ti é que se deveria lançar a ruína que tu, desde há muito tempo, tramas contra todos nós."

E UM TRECHO DO GIGANTE DE HAIA NA ORAÇÃO AOS MOÇOS:

"Assim que a bênção do paraninfo não traz fel. Não lhe encontrareis no fundo nem rancor, nem azedume, nem despeito. Os maus só lhe inspiram tristeza e piedade. Só o mal é o que o inflama em ódio. Porque o ódio ao mal é amor do bem, e a ira contra o mal, entusiasmo divino. Vede Jesus despejando os vendilhões do tempo, ou Jesus provando a esponja amarga no Gólgota. Não são o mesmo Cristo, esse ensangüentado Jesus do Calvário e aqueloutro, o Jesus iroso, o Jesus armado, o Jesus do látego inexorável? Não serão um só Jesus, o que morre pelos bons, e o que açoita os maus?

O padre Manuel Bernardes pregava, numa das suas Silvas:

"Bem pode haver ira, sem haver pecado:

Irascimini, et nolite peccare. E às vezes poderá haver pecado, se não houver ira: porquanto a paciência, e silêncio, fomenta a negligência dos maus, e tenta a perseverança dos bons. Qui cum causa non irascitur, peccat (diz um padre) patientia enim irrationabilis vitia seminat, negligentiam nutrit, et non solum malos, sed etiam bonos invitat ad malum. Nem o irar-se nestes termos é contra a mansidão: porque esta virtude compreende dous atos: um é reprimir a ira, quando é desordenada: outro excitá-la, quando convém. A ira se compara ao cão, que ao ladrão ladra, ao senhor festeja, ao hóspede nem festeja, nem ladra: e sempre faz o seu ofício. E assim quem se agasta nas ocasiões, e contra as pessoas, que convém agastar-se, bem pode, com tudo isso, ser verdadeiramente manso. Qui igitur (disse o Filósofo) ad quae oportet, et quibus oportet, irascitur, laudatur, esse que is mansuetus potest".

Estes dois paladinos da liberdade e da verdade expressam tudo que os cidadãos do mundo pensam e almejam. "O ÓDIO AO MAL É AMOR DO BEM". RUI. Como condenar os subordinados e deixar os chefes de fora? Os conselheiros ganham 70 mil reais/mês, (não sei se é verdade e gostaria de saber) para que?

Não desejo me alongar muito.

Uma simples pergunta: Vossas Excelências poderão entrar em suas sagradas casas e mostrar este documento aos seus queridos filhos?

Será que eles sabem que: "Todas as virtudes estão compreendidas na justiça; se és justo, és um homem de bem".(Teognis)

Excelentíssimos Ministros.

Tenho pena de Vossas Excelências. No futuro, não muito distante, serão lembrados como CATILINAS e não como CÍCEROS ou RUI. Lastimo muito em afirmar esta VERDADE, pois a história escreve os dois lados da moeda.

 

 

Registre-se para poder enviar comentários

Free premium joomla themes designed by Lonex.