Últimos artigos arquivados
Os diplomatas, o ministro e o general PDF Imprimir E-mail
Opinião

Os diplomatas, o ministro e o general

General do Exército crítica Ministro da Defesa de fazer proselitismo político em prol do Partido Comunista do Brasil

Desde a criação do Ministério da Defesa (MD), tenho dito que a chefia desta pasta deveria ser confiada a um Diplomata. Continuo a pensar assim, apesar das duas experiências desastrosas que tivemos com José Viegas e Celso Amorim.

 
Conselho e realidade PDF Imprimir E-mail
Avaliação do Usuário: / 3
PiorMelhor 
Opinião

Por Carlos Alberto Da Cás*

Diante das terríveis tragédias patrocinadas pela intolerância, a humanidade se manifesta. E inevitavelmente há a influência das tintas de cada pintor e suas raízes nessa aquarela multicolorida. Nesse cadinho circula tudo: interpretações pragmáticas, ideológicas, pessoais, religiosas, etc. Assim, o Papa Francisco, já criticado por tradicionais pela "ousada" modernidade, deu o seu conselho: criticou o fundamentalismo mas aconselhou o ocidente a não acender similares estopins e a perdoar. Fez o seu papel como líder religioso. Foi mais um bom conselho, mas o mundo rebelde infelizmente nem sempre houve a voz da razão ou da espiritualidade. Enfim, até nesses novos tempos ainda se mata em nome de Deus. Marx imaginou um mundo fraterno onde todos tinham tudo em comum. Porém a realidade transformou aquela utopia em cruéis tiranias. Mesmo diante dessa realidade histórica ainda há flertes com o socialismo, levando a inevitáveis fracassos sob estados intolerantes como a atual decadente Venezuela. Matizes desse tom incrustadas em outros países na América Latina legaram outras heranças malditas. A Argentina tenta acordar diante do sonífero peronismo e o Brasil do engodo da Década Perdida.

 
O "DEDINHO" DE FHC PDF Imprimir E-mail
Avaliação do Usuário: / 3
PiorMelhor 
Política

O "DEDINHO" DE FHC

Por ocasião das eleições de 2014 NENHUM CANDIDATO, de qualquer partido, falou sobre:

1- Revogação do Estatuto de Desarmamento;

2- As criminosas demarcações de terras indígenas;

 
UM POUCO DE NOSSA HEROÍNA RACHEL SHEHERAZAD PDF Imprimir E-mail
Diversos

Desde que se tornou conhecida em todo o país, há quase cinco anos, com um vídeo em que criticava o Carnaval, a jornalista paraibana Rachel Sheherazade não se esquivou de dar suas opiniões.

 
UM POUCO DE NOSSA HEROÍNA RACHEL SHEHERAZAD PDF Imprimir E-mail
Diversos

Desde que se tornou conhecida em todo o país, há quase cinco anos, com um vídeo em que criticava o Carnaval, a jornalista paraibana Rachel Sheherazade não se esquivou de dar suas opiniões.

 
A FÁBULA DOS GATOS PDF Imprimir E-mail
Avaliação do Usuário: / 6
PiorMelhor 
Diversos

Por Aristides Athayde*

Um fazendeiro plantava milho e o armazenava no paiol. Com o milho, o fazendeiro alimentava as galinhas, os cavalos, as vacas, e todos os outros bichos da fazenda. Os bichos da fazenda, por sua vez, garantiam ao fazendeiro o seu sustento.

 
ELES QUE VENHAM. POR AQUI NÃO PASSARÃO! PDF Imprimir E-mail
Avaliação do Usuário: / 7
PiorMelhor 
Militar

"A Instituição será maculada, violentada e conspurcada diante da leniência de todos aqueles que não pensam, não quuestionam não se importam, não se manifestam"

Gen Marco Antonio Felicio da Silva

Defendo a posição do gen Mourão, não porque Ele precise, pois, o conheço bem não é de hoje (foi meu Cadete no curso de Artilharia da AMAN) e sei do seu valor como líder e atual Chefe Militar, admirado por seus subordinados e pelos integrantes da Reserva que o vêem como um militar de escol em todos os sentidos e em quem confiam. O apoio por concordar com suas posturas, atitudes corajosas e palavras firmes em defesa do País e da Nação; E em relação ao atual desgoverno, liderado por Presidente incompetente, mentirosa (mentiras reconhecidas publicamente até mesmo pelo seu criador, o apedeuta Lula) e ilegítima, cercada por uma entourage política, desclassificada, hipócrita e plena de bandidos, que falam em Democracia e ameaças de pretenso golpe militar, não preocupada com a Democracia e com o País ladeira abaixo, mas apenas para manter benesses oriundas dos cargos ganhos em cambalachos inaceitáveis, incluso alguns esperando se livrar das garras da Justiça por envolvimento no maior assalto, de todos os tempos, ao tesouro nacional.

 
O cerco à indústria brasileira de defesa PDF Imprimir E-mail
Militar

Na contramão da tendência mundial,o Brasil desnacionaliza sua indústria bélica.

Por Mauro Santayana - Jornal do Brasil

As forças militares brasileiras só dispõem de munições para uma hora de resistência, segundo declarou o general Maynard Santa Rosa a O Globo. No caso de uma situação de guerra, dependeríamos de um grande esforço diplomático, a fim de ganhar tempo e mobilizar a nação às pressas para a defesa do território. É certo que uma ocupação militar do Brasil por força invasora é quase impossível, e que teríamos condições de expulsá-la depois de imensos sacrifícios da população civil. Mas, nos restaria a destruição de nossos centros industriais mais importantes.

 
Haverá luz no fim do túnel? PDF Imprimir E-mail
Opinião

Por Marco Antonio Esteves Balbi

"Eles que venham! Por aqui não passam"

Emílio Luiz Mallet - Barão de Itapevi

Ao digitar a frase acima em qualquer mecanismo de busca a primeira resposta conduz a um link sobre o Marechal Emílio Luiz Mallet. Francês de nascimento, brasileiro por opção, vale a pena, para quem não esteja familiarizado em tempos de celebridades instantâneas, debruçar-se sobre a sua vida. A frase ele a proferiu para os seus subordinados, na expectativa da carga da cavalaria inimiga na batalha de Tuiuti, na Guerra da Tríplice Aliança. Emulou os homens sob o seu comando, após fazê-los cavar um fosso à frente da posição da bateria de canhões, onde as primeiras levas inimigas feneceriam.

 
BRASIL CARENTE DE LIDERANÇAS PDF Imprimir E-mail
Avaliação do Usuário: / 2
PiorMelhor 
Opinião

Por CARLOS AUGUSTO FERNANDES DOS SANTOS*

Miriam Leitão , no artigo RECUAR JAMAIS, publicado no Jornal O GLOBO , de 25 de outubro 2015, manifesta sua conhecida repulsa ao estamento militar. Nele, critica o General ANTÔNIO HAMILTON MARTINS MOURÃO, atual Comandante Militar do Sul, por ter proferido palestra/aula para os jovens do CPOR/Porto Alegre/RS e feito comentários sob os descaminhos éticos e políticos da corrupção brasileira. Afirma, professoralmente e sem rodeios: "O Brasil avançou muito nos últimos trinta anos.................... Primeiro, escolhemos a democracia e a volta dos militares aos quartéis. Definitivamente".

 
«InícioAnterior12345678910PróximoFim»

Página 9 de 112
Free premium joomla themes designed by Lonex.